Fazenda Água Milagrosa

23 de Setembro de 2016

Austrália perde espaço no mercado internacional da carne



De acordo com fonte local, Brasil e Uruguai tem tomado esse lugar, que será difícil para o país da Oceania reaver

 
Após enfrentar uma das piores secas de sua história, que levou a uma redução drástica do rebanho bovino, a Austrália apresentou retração de 16% nos abates, com reflexos sobre a produção de carne e as exportações, também prejudicadas por questões cambiais.
 

"Perdemos espaço para o Brasil e o Uruguai em mercados importantes como a Rússia e a China. Éramos o primeiro fornecedor de carne bovina dos chineses, hoje somos o terceiro. O Brasil deverá se manter na liderança das exportaçoes em 2016", salientou MattheW George, diretor da empresa Bovine Dinamics Consulting, durante palestra na 9ª Conferencia Internacional de Confinadores, em Goiânia, GO.

Segundo ele, os produtores australianos tiveram de abater muitas fêmeas em função da seca. Agora, estão retendo matrizes para recomposição do plantel, que já cresceu 6% este ano, mas a conclusão desse processo demandará tempo.

"Talvez a Austrália não consiga reaver o espaço perdido para o Brasil e Uruguai, que têm custos mais baixos. Nossa estratégia é continuar focando em carne de qualidade, onde temos vantagem competitiva", adiantou George. A Austrália faz produção dirigida para diversos mercados, com destaque para o Japão.

 

Fonte: Portal DBO

 

<< Voltar para notícias
Fazenda Água Milagrosa - Todos os direitos reservados. ©2018
Desenvolvido pela Williarts Internet