Fazenda Água Milagrosa

28 de Julho de 2008

SELEÇÃO E AVALIAÇÃO DE FÊMEAS DA RAÇA TABAPUÃ



Precocidade, fertilidade e eficiência reprodutiva são as principais características avaliadas no plantel de fêmeas da Água Milagrosa.

O plantel de 1.200 matrizes da Fazenda Água Milagrosa produz cerca de 490 novas fêmeas por ano. Deste total apenas 20% serão aproveitadas como melhoradoras do rebanho. É através dessa pressão de seleção que a Fazenda Água Milagrosa consegue produzir animais de qualidade genética para a melhoria da raça Tabapuã.

Os critérios de seleção começam desde o nascimento das bezerras. As primeiras avaliações são de peso, tipo e genealogia (identificação de pai, mãe, avós e etc.). A partir do momento em que esses animais iniciam sua vida reprodutiva, são avaliadas as características mais importantes na seleção de fêmeas: fertilidade e qualidade dos bezerros produzidos.

As fêmeas que se destacam recebem tratamento diferenciado. Essas novilhas demonstram a precocidade da raça, a maior parte apresenta cio aos 14 meses de idade. Toda fêmea do rebanho precisa produzir um bezerro por ano. Por isso, a seleção para fertilidade é criteriosa.

A habilidade materna das fêmeas é avaliada pelo peso à desmama dos bezerros. Este ano, em duas desmamas feitas na fazenda, a média de peso dos bezerros machos foi de 224 kg e das bezerras 220 kg, o que comprova a eficiente habilidade materna da raça.

“A Fazenda Água Milagrosa não vende apenas fenótipo. Vende sobretudo, potencial genético”, afirma Fabio Zucchi Rodas, proprietário da Água Milagrosa.

 

<< Voltar para notícias
Fazenda Água Milagrosa - Todos os direitos reservados. ©2018
Desenvolvido pela Williarts Internet